26 abril 2011

A falta que faz o romantismo!


Até já?!
Mas esta gente pensa que haverá mesmo quem responda? Não acredito, sinceramente.
Bom, sei lá eu a precisão que para aí vai... Se calhar respondem. Romantismo a pagar?!
Não pagas para aderir, mas pagas para receber. É como votares num programa eleitoral e não receberes as promessas em troca, a não ser que pagues. E bem!
25 cêntimos de romantismo à la tmn é dinheiro. Ele há cada uma!: "Anime a sua vida". ... Pfff!

4 comentários:

disse...

Caro Amigo/Amig@,

Livros existem para aventurarem-se de mão em mão, enchendo olhos e

mentes, traspassando mundos vários, continentes distantes, até

mesmo galáxias perdidas deste infinito Universo, sem respeitar nem

mesmo as fronteiras do senhor Tempo.

É com base neste espírito que Lisboa acaba de ganhar um novo

Alfarrábio on-line. É o www.livrilusao.com, que vende livros usados e

novos.

No entanto, não queremos ser apenas um alfarrábio a mais. Para além

de comprarmos, vendermos e trocarmos livros, buscamos também

interagir com todos que queiram trocar ideias connosco sobre livros,

artes em geral e tudo o mais relacionado com Cultura.
Convidamos-te a visitar a nossa página e, se achar interessante, ajudar

a divulgá-la, repassando esta mensagem para a sua lista de emails.
Vamos dar continuidade à aventura dos livros!
Obrigada,

Giulia,
Livrilusão

Keila Costa disse...

É C. ...tudo cada vez menos natural, perfeitamente mercantil...até o amor e as delicadezas? Temo que sim...
Abraços

C. disse...

Keila,
é isso mesmo."A delicadeza diz ao outro que ele existe", mas estas sms não são nada delicadas, bem pelo contrário, são invasivas, maçadoras (de tão frequentes) e sem piada alguma. Eu bem queria desactivar este tipo de mensagens, mas ainda não consegui. Haverá quem me diga como?

Abraço

Marta disse...

ele há cada uma!!!

bjo, C. ;)