13 agosto 2010

Hoje


As ondas quebravam uma a uma
Eu estava só com a areia e com a espuma
Do mar que cantava só p'ra mim

Sophia de Mello Breyner Andresen
Foto: C.

3 comentários:

Teresa disse...

Coincidências: li este poema hoje

Paulo disse...

... efeitos do mar, Teresa.

Marta disse...

tanto tanto tanto