16 março 2009

Eastwood

Uma fotografia da América profunda, dilacerada por intensos conflitos raciais, sociais e religiosos.

Clint Eastwood, fabuloso, criando um "duro" em fim de vida, carregado de preconceitos e obsessões, mas que vê no encontro com um jovem asiático seu vizinho a forma de se redimir duma culpa antiga que o atormenta.

A não perder.


1 comentário:

RA disse...

Em boa hora o Rui Sacramento me recomendou o vosso blogue! Estamos de acordo neste magistral Gran Torino ( http://enguiafresca.blogspot.com/search/label/Gran%20Torino ) e no sedutor chorinho de que fala abaixo ( http://enguiafresca.blogspot.com/search/label/chorinho ).
Vou voltar regularmente!