02 maio 2009

Daniel Cohn-Bendit


Maio de 68 em Paris.
Tudo começou a 2 de Maio, em Nanterre,, depois na Sorbonne.
A revolta que debutou estudantil,logo alastrou a toda a sociedade francesa.
Lutas, prisões, barricadas, puseram em causa a maneira de ver e viver, chegando às classes trabalhadoras, com uma greve de dez milhões de pessoas.
Ao mesmo tempo, nos Estados Unidos, a juventude contestava violentamente a guerra do Vietname e a moral vigente.
A Europa sentiu esse abalo e, em diversos países, nomeadamente em Portugal um ano após, deram-se réplicas desse abanão cultural.
Revoluçao da juventude burguesa à procura de novos valores, passou a marcar de uma forma indelével toda uma geração.
Daniel Cohn-Bendit foi o rosto do movimento em que era "PROIBIDO PROIBIR".
Aluno de Nanterre ficou conhecido pela liderança feroz, pelo carisma e radicalismo.
Hoje é deputado do Parlamento Europeu pelo partido (movimento) alemão ecologista Verde.

2 comentários:

Paulo disse...

Salut, Dani!

vaandando disse...

Ça va au parlement , Dany ?
toi tu as changé beaucoup, mais ça vas !

_______ JRMARTo